Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gorongosa

MENU

Aberta Época Turística 2010 no PNG

Parque Nacional da Gorongosa 21 Abr 10

picture 1.jpg

Corte da fita no portão de acesso aos safaris


O Parque Nacional da Gorongosa (PNG) abriu no dia 15 de Abril corrente a época turística 2010, num ambiente de grande festa e recheado de diversas manifestações culturais.

 

O PNG esteve com os portões de acesso à rede das picadas do safari fechados desde 18 de Dezembro último. Trata-se de uma interrupção que acontece todos os anos no mesmo período por se tratar de começo da estação chuvosa em que a precipitação pluvial inunda as planícies e torna estradas em autênticos lamaçais, impossibilitando a circulação de todo o tipo de viaturas mesmo as de tracção às quatro rodas.

 

A efeméride foi caracterizada por cerimónias tradicionais, declaração da abertura da época turística, discursos de membros do Comité de Supervisão da gestão do PNG e do administrador distrital da Gorongosa, realização do Safari inaugural, danças tradicionais e exibição do filme "Africa´s Lost Eden".

Tomaram parte do acto administradores distritais e directores dos Serviços distritais do Planeamento e Infra-estruturas, das Actividades Económicas e da Educação, Cultura, Juventude e Tecnologia da Gorongosa, Nhamatanda, Muanza e Cheringoma.

 

Estiveram igualmente presentes os régulos da Zona Tampão do PNG e outros convidados, incluindo trabalhadores e membros da direcção do Parque.

 

Cerimónias tradicionais em respeito aos hábitos locais

O Parque em respeito aos hábitos e costumes da região organizou duas sessões de cerimónias tradicionais. A primeira, dirigida por Chuva Camacho Nhanguo, teve lugar no dia 14 de Abril de 2010 nas ruínas do antigo acampamento turístico de Chinongora, mais conhecido actualmente por "Casa dos Leões".

 

A Casa dos Leões, construída em 1940, localiza-se nas planícies do Rio Mussicadzi, a 10 km do Chitengo. Este sítio teve que ser abandonado dois anos mais tarde, devido a grandes cheias na época das chuvas. Os leões tomaram conta das construções abandonadas passando a ser conhecido com o nome de "Casa de Leões".

 

Chuva Camacho Nhanguo é responsável por ritos tradicionais do regulado com o nome do seu apelido, cujo território de jurisdição estende-se até Chinongora.


picture 2.jpg
Cerimónia tradicional na Casa dos Leões

 

Por sua vez, João Chitengo orientou no dia seguinte no acampamento de safaris do Chitengo junto à árvore sagrada, a cerimónia tradicional em veneração ao espírito do Chitengo que se acredita, de acordo com narrações orais, que tenha sido o primeiro cidadão a se estabelecer nesta região provavelmente no início do séc. XX.

 

Em geral, os dois líderes espirituais fizeram preces de bênção para que o PNG consiga maior índice de captação de receitas na presente época turística. Igualmente pediram aos espíritos dos seus antepassados a protecção para os trabalhadores e visitantes do Parque em relação à fauna bravia.


picture 3.jpg
João Chitengo, orientando a cerimónia na árvore sagrada

 

Declaração de abertura

Depois da cerimónia tradicional orientada por João Chitengo, seguiu-se o momento dos discursos da declaração de abertura oficial do Parque junto ao portão que dá passagem à área de safaris.

 

O membro do Comité de Supervisão do PNG pela parte do Governo de Moçambique, Bernardo Beca Jofrisse, foi o primeiro a dirigir-se aos presentes. Na sua breve intervenção falou do sucesso mundial do filme "Gorongosa National Park: África´s Lost Eden" que já ganhou oito prémios internacionais.

 

O documentário recebeu o Prémio Ouro na categoria TV - Viagens e o Grande Prémio Diamante em todas as categorias no Festival de Filmes de Turismo de Berlim, que teve lugar de 10 a 14 de Março de 2010, na Alemanha, obteve quatro prémios no Festival Internacional de Filmes sobre a Vida Selvagem da Montana, nos EUA.

 

Já mais recentemente foi galardoado com mais dois prémios, nomeadamente Grand Prix Award e Eco Tourism Award, no Festival de Filmes de Turismo de Riga, na Letónia.


picture 4.jpg
Bernardo Beca Jofrisse, membro do Comité de Supervisão do PNG

 

Por seu turno, o membro do Comité de Supervisão do PNG pela parte do Gorongosa Restoration Project, Greg Carr, abordou sumariamente as prioridades das acções a desenvolver no ano em curso. Referiu-se à reintrodução de mais animais, construção de mais infra-estruturas e continuação da implementação de iniciativas do desenvolvimento sócio- económico e comunitário da Zona Tampão.


picture 5.jpg
Greg Carr, membro do Comité de Supervisão do PNG

 

Enquanto que o administrador do distrito da Gorongosa, João Oliveira, apelou a uma maior cooperação das estruturas tradicionais e da comunidade em geral no controlo da caça furtiva e das queimadas descontroladas dentro da área de conservação.


picture 6.jpg

João Oliveira (à esquerda), administrador do distrito da Gorongosa
 

Por fim declarou aberta a época turística 2010 do PNG e procedeu ao corte da fita no portão que dá acesso à zona de safaris. Acto seguido por um game drive inaugural.


picture 7.jpg
Safari inaugural

 

Apresentação do informe das actividades

Na parte da tarde, a direcção colegial do Parque apresentou aos convidados de honra e aos membros do Comité de Supervisão um informe das actividades realizadas em 2009.

 

De uma forma genérica, foram abordados conteúdos relacionados com a afluência de turistas em número de 4.630, a criação de 459 empregos, dando prioridade a mão-de-obra local cifrada em 46% só para o distrito da Gorongosa, reintrodução de animais bravios, implementação de projectos de geração de rendimento familiar nas comunidades da Zona Tampão, divulgação e popularização da imagem do Parque ao nível nacional e internacional, entre outros.

Apresentaram intercaladamente o informe o gestor do Departamento das Operações, Scott Kipp, o director do Departamento de Comunicação, Vasco Galante, o director do Departamento das Relações Comunitárias Mateus Mutemba e o director do Departamento da Conservação, Carlos Lopes Pereira.


picture 8.jpg
Aspecto da sessão de informe das actividades

 

Visita ao acampamento e a outras construções em curso

Depois da apresentação do informe das actividades realizadas em 2009, os convidados de honra visitaram o acampamento de safaris e as obras de construção de dois dormitórios para trabalhadores em Chitengo. Também visitaram o Centro de Educação Comunitária, aonde receberam a explicação do estágio da obra e dos objectivos do empreendimento.


picture 9.jpg
Momento da visita ao refeitório do Centro de Educação Comunitária

 

Actividades culturais

A cerimónia decorreu em ambiente de grande festa com canto e dança tradicionais.

 

O Grupo Cultural Chibango Mapaza da Gorongosa, vindo da vila-sede distrital, sob a liderança de José Chibango, deu mais luz e cor o evento com cantos e boa dança ao ritmo de sons de batuques tocados com muita proficiência.

 

Os artistas mostraram o seu multifacetado talento em várias danças, como é o caso de Mapaza, Djole e Nkhetekete. Na ocasião, Greg Carr mostrou que socializa-se facialmente com qualquer cultura e também tem habilidade nos pés ao entrar em palco e ensaiar com perfeição alguns passos de Mapaza.

 

A direcção do Parque em todos os seus eventos tem privilegiado actividades do género como forma de promoção da diversidade cultural e respeito pelas manifestações culturais locais. A festa durou o dia todo com muita comida e bebida tradicional e convencional ao som de muitos cantos e danças.

 


Momento de uma das diversas actividades culturais

O Senador norte-americano, Bill Nelson, congratulou na passada quarta- feira a equipa do Projecto de Restauração do Parque Nacional da Gorongosa (PNG) pelo sucesso da restauração e do repovoamento de animais no âmbito do desígnio que visa restituir a esta área de conservação a sua antiga glória.

 

IMG_5232.jpg
 

Bill Nelson, Senador pelo Estado da Florida, fez este reconhecimento no final da sua primeira viagem de meio dia ao Parque a 31 de Março de 2010, no contexto do cumprimento da sua missão de visita a Moçambique.

 

O membro do Senado Americano foi recebido pelos membros seniores da Equipa de Gestão e do Comité de Supervisão do Projecto de Restauração do PNG, cerca do meio-dia no acampamento turístico de Chitengo.


IMG_5159.jpg
Bill Nelson (à esquerda) recebendo cumprimentos de boas-vindas do representante do Governo no Comité de Supervisão do PNG, Bernardo Beca Jofrisse

 

Os aspectos da reconstrução das infra-estruturas, reintrodução e recuperação da fauna bravia, incluindo iniciativas do desenvolvimento sócio-económico comunitário à volta da zona tampão, foram apresentados informalmente ao ilustre visitante com o intuito de lhe facultar informação sobre as acções de restauração do Parque pós-guerra civil.


IMG_5176.jpg
O director de Comunicação do PNG, Vasco Galante, (ao centro) mostrando uma notícia sobre visitas feitas ao PNG por astronautas ao Senador, também ele um antigo astronauta

 

Paralelamente, assistiu transversalmente à sessão do documentário "Africa's Lost Eden", vencedor absoluto do Festival de Filmes de Turismo de Berlim 2010 e de 4 Prémios do International Wildlife Film Festival, enquanto almoçava no novo restaurante do Acampamento de Safaris de Chitengo denominado Chikalango.

 

Depois deixou gravado no livro dos visitantes do Parque as palavras seguintes: "Thank you for helping mother nature restore herself in all of her God given beauty." (Obrigado por ajudarem a Mãe-Natureza a restaurar-se com toda a beleza que Deus lhe deu).


IMG_5181.jpg
Bill Nelson escrevendo a sua mensagem no livro de honra do PNG

 

Ainda no PNG o Senador e sua comitiva de cinco elementos, entre os quais Todd Amani, o director da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID)/Moçambique, visitou algumas infra-estruturas e grandes obras em andamento financiadas em parte pela USAID - Biodiversity.

 

Neste âmbito, deslocou-se ao Santuário da Fauna Bravia e ao Centro de Educação Comunitária (CEC). No primeiro local recebeu do respectivo gestor, Justino Davane, informação sucinta sobre os objectivos da implantação de infra-estruturas e das actividades em curso.

 

Vale recordar que o Santuário de Fauna Bravia de aproximadamente 6.000 hectares e com 36 km de perímetro, vedado com uma rede electrificada, protege os animais reintroduzidos dos seus predadores naturais e dos caçadores furtivos que continuam ainda muito activos no Parque.


IMG_5203.jpg
Gestor Justino Davane (à direita), explicando aspectos do Santuário

 

No CEC, cujas obras da primeira fase estão praticamente concluídas, foi recebido pelo gestor do Departamento das Operações, Scott Kipp, que fez o resumo do projecto arquitectónico do empreendimento desenhado em estreito respeito às questões ambientais actuais.

 

Scott Kipp explicou que o objectivo principal é formação dos líderes comunitários e de demais pessoas locais para minimizar os problemas de caça furtiva e queimadas descontroladas no Parque e a degradação do meio ambiente em geral, ou seja, a construção consistente e continuada de uma formação que realce a relevância da sustentabilidade através do desenvolvimento sócio-ambiental.


IMG_5215.jpg
Bill Nelson recebendo a explicação de gestor Scott Kipp (à direita) sobre as obras do CEC

 

No momento de partida do CEC, Bill Nelson dirigindo-se aos membros do PNG disse "estão a realizar um bom trabalho, pelo que toda a equipa está de parabéns".


IMG_5225.jpg
 Bill Nelson (o segundo a contar da direita) apreciando o interior de uma das salas de aulas do CEC

 

Por fim, sobrevoou a bordo de um helicóptero a Serra da Gorongosa para ver ao vivo o impacto ecológico da acção predatória do Homem naquela cadeia montanhosa, caracterizado pela destruição da floresta virgem para finalidades agrícolas.

 

Por outro lado, pode também testemunhar o trabalho do Programa Florestal do PNG que consiste no plantio de novas árvores nativas em áreas críticas que sofreram o desmatamento.

É com enorme prazer e muita honra que partilhamos estas óptimas notícias com todos vós.

 

Africa's Lost Eden (um filme sobre a restauração do Parque Nacional da Gorongosa, produzido pela National Geographic) será exibido por diversas vezes perante audiências numerosas durante este importante festival.

 

Picture 1.jpg

Picture 5.jpg

Picture 2.jpg

Picture 3.jpg

Picture 4.jpg

Picture 6.jpg
 

A revista moçambicana Prestígio, dirigida por Refinaldo Chilengue, na sua edição de Abril publica um artigo de Rafael Nambale, conhecido jornalista e Assessor de Imprensa do Ministro do Turismo de Moçambique que analisa a importância para o Turismo de Moçambique dos Prémios obtidos no Festival de Filmes de Turismo de Berlim.

 

Recorda-se que o filme "Africa's Lost Eden", o filme produzido pela > National Geographic sobre o Parque Nacional da Gorongosa, foi o vencedor absoluto do festival de Berlim (Prémio Diamante) tendo ainda ganho o Prémio Ouro numa das categorias em concurso (TV-Viagens) e que recentemente venceu 4 Prémios no "International > Wildlife Film Festival" (Montana-EUA) nas seguintes categorias: "Best Conservation & Environmental Issue", "Best Narration", "Best Sound Design" e "Best Script".

 

Prestigio_Abr10.jpg

Prestigio_Abr10_1 L.jpg
 

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários